Landless Voices -> Sights & Voices -> Studies … -> Bibliography

English | Português

The Sights and Voices of Dispossession: The Fight for the Land and the Emerging Culture of the MST (The Movement of the Landless Rural Workers of Brazil)

Language:

English (mude para Português)

This page:

Studies, statements & references -> Bibliography 5 resources (Edited by Bernardo Manšano Fernandes)

PreviousPrevious    resource: 5 of 5    

Author:

Bernardo Manšano Fernandes

Title:

Theses, dissertations, monographs, reports and papers on the MST

Alentejano, Paulo Roberto R. Reforma Agrária e pluriatividade no Rio de Janeiro: repensando a dicotomia rural-urbana nos assentamentos rurais. Rio de Janeiro: Curso de Pós-Graduação em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, 1997. (Dissertação de Mestrado em Ciências em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade)

Alentejano, Paulo Roberto R. A geografia das lutas pela terra no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Inédito, 1998.

Alentejano, Paulo Roberto R. Os assentamentos rurais da baixada fluminense: um desafio à territorialização do MST no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: inédito, 1999.

Almeida, Rosemeire de Almeida. A conquista da terra pelo MST – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra no Pontal do Paranapanema: as ocupações das fazendas São Bento e Santa Clara. Presidente Prudente: Departamento de Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNESP, 1993. (Monografia para a obtenção do título de Bacharel em Geografia)

Almeida, Rosemeire de Almeida. Diferentes modos de organização de explorações familiares no Pontal do Paranapanema: reassentamento Rosana e Assentamento Santa Clara. Presidente Prudente: Curso de Pós-Graduação em Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia, UNESP, 1996. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Almeida, Rosemeire de Almeida. Análise preliminar da assistência técnica nos assentamentos der reforma agrária do Estado de Mato Grosso do Sul. Revista do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária, Presidente Prudente, n. 3, Série Estudos, NERA, 2.000.

Amaral, A. C. Assentamento "Conquista da Fronteira", em Dionísio Cerqueira, SC. Campinas: Instituto de Ciências Humanas, Universidade Católica de Campinas, 1993. 97 p. (Monografia - Graduação em Ciências Sociais)

Amaral, A. C. Assentamento "Conquista da Fronteira", em Dionísio Cerqueira, SC. Campinas: Pontifícia Universidade Católica de Campinas, 1993. (Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação em Ciências Sociais)

Andrade, Márcia Regina. O destino incerto da educação entre assentados rurais do Estado de São Paulo. Campinas: Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, 1993. (Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas à Educação)

Andrade, Márcia Regina. A formação da consciência política dos jovens no contexto dos assentamentos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra. Campinas: Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, 1998. (Tese de Doutorado em Ciências Sociais Aplicadas à Educação)

Antonio, Armando Pereira. Movimento social e organização do espaço rural nos assentamentos populacionais dirigidos pelo estado: os exemplos da Alta Sorocabana no período 1960-1990. São Paulo: Departamento de Geografia, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, 1990. (Tese de Doutorado em Geografia)

Araújo, Maria Nalva Rodrigues de. Da luta contra a exclusão à reinvenção da escola pública popular: a luta pela escolarização no MST da Bahia. Franca: Universidade de Franca, 2000. (Dissertação de Mestrado em Ciências e Práticas Educativas)

Barbosa, Maria Valéria. A presença do Estado num trecho da História: luta pela terra no Pontal do Paranapanema. Itaguaí: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Agrícola, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, 1990. (Dissertação de Mestrado em Desenvolvimento Agrícola)

Barreira Filho, Edenilo Baltazar. Cooperativa – De Espaço a Território de Gestão Democrática: O Caso da Cooperativa de Produção Agropecuária de Lagoa do Mineiro (COPAGLAM) Itarema – Ceará. Fortaleza: Instituto de Capacitação e Pesquisa da Reforma Agrária/Universidade de Brasília/Universidade do Vale dos Sinos/Curso de Especialização em Administração de Cooperativas, 1999. (Trabalho de Conclusão de Curso de Especialização em Administração de Cooperativas)

Batista, Luis Carlos. Brasiguaios na fronteira: caminhos e lutas pela liberdade. São Paulo: Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras de Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1990. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Benincá, Elli. Conflito religioso e práxis. A ação política dos acampados da Encruzilhada do Natalino e da Fazenda Anoni. São Paulo: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1987. (Dissertação de Mestrado em Ciências da Religião)

Bombardi, Larissa Mies. O Bairro da Reforma Agrária e o processo de territorialização camponesa. São Paulo, 2001. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Borges, Maria Celma. Movimentos sociais nos campos do Pontal do Paranapanema: um estudo de caso da gleba Ribeirão Bonito (1970-1980). Assis: Faculdade de Ciências e Letras da Universidade Estadual Paulista, UNESP, 1996. (Dissertação de Mestrado em História)

Cadji, Anne-Laure. The Problem of Agrarian Reform in Comtemporary Brazil: Conflits and Co-Operation Between The MST Social Movement and The Cardoso Reform Government. Trinity Term: University of Oxford, 1998. (Monografia - Latin American Studies)

Caldart, Roseli Salete e Schwaab, Bernadete. A educação das crianças nos acampamentos e assentamentos. In: GÖRGEN, Frei Sérgio, STEDILE, João Pedro. Assentamentos: a resposta econômica da reforma agrária. Petrópolis: Vozes, 1991.

Caldart, Roseli Salete. Sem Terra com poesia: a arte de recriar a história. Curitiba, 1986. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal do Paraná.

Caldart, Roseli Salete. Escola é mais que escola na pedagogia do Movimento Sem Terra. Porto Alegre: Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1999. (Tese de Doutorado em Educação)

Camini, Isabela. O cotidiano pedagógico de professores e professoras de uma escola de assentamentos do MST: limites e desafios. Porto Alegre: Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1998. (Dissertação de Mestrado em Educação)

Campos, Antônio Carlos. Assentamento Vitória da União: unidade familiar versus organização coletiva. Aracaju: Núcleo de Pós-Graduação em Geografia, Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de Sergipe, 1997. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Cardoso, Maria das Dores. Terra e Democracia: O MST e a construção política de um sonho. Belo Horizonte: Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal de Minas Gerais, 2000. (Dissertação de Mestrado em Ciência Política)

Cavalcante, Eliane. Forma de organização social do Acampamento Primeiro de Abril – Mirante do Paranapanema – SP. Presidente Prudente, 1995. (Relatório de Estágio Supervisionado apresentado ao Departamento de Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia, UNESP, campus de Presidente Prudente)

Cazella, Ademir Antonio. Assentamentos rurais e cooperação agrícola: políticas conflitantes. O caso do assentamento 30 de outubro – SC. Rio de Janeiro: Instituto de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, 1992. (Dissertação de Desenvolvimento Agrícola – CPDA)

Cerioli, Paulo Ricardo osfs. Educação como cooperação: a experiência do Curso Técnico em Administração de Cooperativas – TAC do MST. São Leopoldo: Universidade do Vale do Rio dos Sinos, 1997. (Monografia - Curso de Especialização em Cooperativismo)

Chonchol, Jacques. Sistemas agrarios em América Latina: de la etapa prehispánica a la modernización conservadora. Santiago: Fondo de Cultura Económica, 1994.

Christoffoli, Pedro Ivan. Eficiência Econômica e Gestão Democrática nas cooperativas de Produção coletiva do MST. São Leopoldo: Centro de documentação e Pesquisa – CEDOPE, Universidade do Vale do rio dos Sinos, 1998. (Monografia - Curso de Especialização Superior em Cooperativismo)

Christoffoli, Pedro Ivan. O desenvolvimento de cooperativas de produção coletiva de trabalhadores rurais no capitalismo: limites e possibilidades. Curitiba: Centro de Pesquisa e Pós-Graduação em Administração – Setor de Ciências Sociais Aplicadas – Universidade Federal do Paraná, 2000. (Dissertação de Mestrado em Administração)

Cintra, Maria da Conceição Barbosa. A trajetória do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) em Sergipe: 1985 – 1997. Recife: Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal de Pernambuco, 1999. (Dissertação de Mestrado em Serviço Social)

Coelho, Maria Célia Nunes. A polêmica ocupação dos sem-terra na região dos Carajás. In: XIMENES, Tereza (Org.). Perspectivas do desenvolvimento Sustentável (uma contribuição para a Amazônia). Belém: Universidade Federal do Pará - Núcleo de Altos Estudos Amazônicos – NAEA, Associação de Universidades Amazônicas, 1997, p.495-530.

Comissão Pastoral da Terra. História da Comissão Pastoral da Terra – MS – 1978-1992. Campo Grande: CPT, 1993.

Comparato, Bruno Konder. A ação política do MST. São Paulo: Departamento de Ciência Política da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de São Paulo, 2000. (Dissertação de Mestrado em Filosofia)

Costa, Gileaide Silva. MLT: O Movimento de Luta pela Terra um movimento em movimento. Campina Grande: Universidade Federal da Paraíba, 1996. (Dissertação de Mestrado em Sociologia)

Cruz, Armando. Sem-escola Sem-terra. Para uma Sociologia da apropriação simbólica. Pelotas: Universidade Federal de Pelotas, 1996. (Dissertação de Mestrado em Educação)

CPT. Assassinatos no Campo – Brasil 1985-1998: violência e impunidade. CPT: Itaici, 1999.

Dantas, Alexsandro Galeno Araújo. Imagens da terra: por uma poética da luta política. Natal: Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 1996. (Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais)

DATALUTA: Banco de Dados da Luta pela Terra. Revista do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária – NERA, Presidente Prudente, NERA, Série Estudos, n.3, 2000.

Decanato de Extensão. Educação Ambiental no Processo de Reforma Agrária. Brasília: Universidade de Brasília, 1997. (Monografia - Projeto de Extensão Universitária)

De Lannoy, Christophe. A tecnologia e as associações de cooperação agrícola em assentamentos de reforma agrária. Porto Alegre, 1990. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Rural, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Dellazeri, Dirlete. O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra no Mato Grosso do Sul – 1984 a 1993. Ijuí: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade de Ijuí, 1994. (Monografia - Curso de História)

DESER. Banco da Terra: análise econômica e exemplos de financiamentos. Boletim DESER, Edição Especial, 1999.

Dias, Luzimar Nogueira. Massacre em Ecoporanga: lutas Camponesas no Espírito Santo. Vitória: Editora Dos Jornalistas Do Espírito Santo, 1984.

Duarte, Elio Garcia. Do mutirão à ocupação de terras: manifestações camponesas contemporâneas em Goiás. São Paulo: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1998. (Tese de Doutorado em História)

Eckert, Cordula. Movimento dos Agricultores Sem-Terra no Rio Grande do Sul. Itaguaí: Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, 1984. (Dissertação de Mestrado em Ciências de Desenvolvimento Agrícola)

Ennes, M. A. – Acampamento de "Três Irmãos": uma história sem fim de apropriação e violência. In: Nas Trilhas da Pesquisa – Boletim de Pós-Graduação em Sociologia da Faculdade de Ciências e Letras da UNESP (Araraquara) n.5. 1993.

Fabrini, João Edmilson. A posse da terra e o sem-terra no sul de Mato Grosso do Sul: o caso Itaquiraí. Presidente Prudente: Curso de Pós-Graduação em Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia, 1995. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Fabrini, João Edmilson. Luz, Juan Artigas Souza. Lacerda, Celso Lisboa de Lacerda. A importância das culturas de milho e feijão para o desenvolvimento econômico de assentamentos de reforma agrária atendidos pelo projeto Lumiar – Paraná. Revista do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária, Presidente Prudente, NERA, Série Estudos, n.3, 2000.

Fanelli, Luca. La scelta della terra: studio di un insediamento rurale Del Movimento Sem Terra in Brasile. Torino: Facoltá di Lettere e Filosofia, Università degli Studi di Torino, 2000. (Tese de Laurea in Storia Contemporânea)

FAO/PNUD/MARA. Principais Indicadores Sócio – Econômicos dos Assentamentos de Reforma Agrária. Brasília, 1992.

Farias, Marisa de Fátima Lomba de. O acampamento América Rodrigues da Silva: esperanças e desilusões na memória dos caminhantes que lutam pela terra. Araraquara: Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Ciências e Letras da Universidade Estadual Paulista, 1997. (Dissertação de Mestrado em Sociologia)

FCT/UNESP – ITESP/SJDC. Censo de Assentamentos Rurais do Pontal de Paranapanema (1990). Presidente Prudente: FCT/UNESP, 1996.

Fernandes, Bernardo Mançano. Espacialização e Territorialização da Luta pela Terra: a Formação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra - MST no Estado de São Paulo. São Paulo, 1994. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Fernandes, Bernardo Mançano. "Da terra prometida à terra definitiva" – na criação do "território liberado" a realização da reforma agrária. In: Anais do VIII Encontro Nacional de Geógrafos. São Paulo: AGB, 1992, p.697-712

Fernandes, Bernardo Mançano. O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra e a Territorialização da Luta pela Terra no Brasil. Revista de Geografia Teorética, Rio Claro, n.43-4, 1992.

Fernandes, Bernardo Mançano. Amassando a massa: para uma crítica ao conceito de massa. Caderno Prudentino de Geografia, Presidente Prudente, n.16, 1994.

Fernandes, Bernardo Mançano. Reforma Agrária e modernização no campo. Terra Livre, São Paulo, AGB, n.11-12, p.153-175, 1996.

Fernandes, Bernardo Mançano. A luta do MST na construção da democracia. Revista Advir, Associação dos docentes da UERJ, n.10, outubro de 1997.

Fernandes, Bernardo Mançano. Espacialização e territorialização do MST. In: Stedile, João Pedro (Org.). A reforma agrária e a luta do MST. Vozes: Petrópolis, 1997.

Fernandes, Bernardo Mançano. Por uma Escola do Campo. Revista Ágora, Santa Cruz do Sul, v. 3, n.2, p.35-46, jul/dez, 1997.

Fernandes, Bernardo Mançano. A judiciarização da luta pela reforma agrária. GEOUSP – Revista de pós-graduação em Geografia. São Paulo, Departamento de Geografia da FFLCH-USP, p.35-9, 1997.

Fernandes, Bernardo Mançano. Que Reforma Agrária? In A Questão Agrária na Virada do Século. Vol. II – Mesas Redondas. XIV Encontro Nacional de Geografia Agrária. Presidente Prudente, 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. Por uma educação do Campo. (Co-autoria com Roseli Caldart e Paulo Ceriolli). Revista Contexto Educação, Ijuí, Editora da Universiade de Ijuí, n.52. 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. Educação no Meio Rural: por uma escola do campo. Revista GeoPantanal, Corumbá, AGB, n.4, 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. Opinião da pesquisa ou pesquisa de opinião. Revista Sem-Terra, São Paulo, MST, n.4, 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. La lucha de los Sin-Tierra en Brasil. Revista Reflexion y Liberacion, Santiago, Chile, Ano X, n. 37, 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. A luta pela terra (entrevista). Revista Geo UERJ, Rio de Janeiro: Editora da UERJ, n.3, 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. Gênese e Desenvolvimento do MST. MST – Caderno de Formação São Paulo, MST, n. 30, 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. A territorialização do MST – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra – Brasil. Revista NERA, Presidente Prudente, Série Estudos, UNESP, n. 1, 1998.

Fernandes, Bernardo Mançano. Contribuição ao estudo do campesinato brasileiro: formação e territorialização do MST no Brasil. São Paulo, 1999. Tese (Doutorado em Geografia) – Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Fernandes, Bernardo Mançano. Questões teórico-metodológicas da pesquisa geográfica em assentamentos de reforma agrária. Boletim Paulista de Geografia, São Paulo, AGB, n.75, 1999.

Fernandes, Bernardo Mançano. Ocupações de terras e políticas de assentamentos rurais. Revista Lutas Sociais, São Paulo, Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais da PUC-SP, n.6, 1999.

Fernandes, Bernardo Mançano. Construção de Referências de um Pesquisador com o MST. Geografia em Atos. Revista do Departamento de Geografia da FCT, Presidente Prudente, UNESP, 1999.

Fernandes, Bernardo Mançano. A questão agrária e sua nova configuração socioeconômica, política e territorial. In: EGLER, Cláudio, MIRANDA, Mariana, CASTRO, Iná (Org.). Redescobrindo o Brasil: 500 anos depois. Rio de Janeiro: Editora Bertrand Brasil, 1999.

Fernandes, Bernardo Mançano. Que reforma Agrária ? Revista Geo UERJ, Rio de Janeiro, Editora da UERJ, n.6, 1999.

Fernandes, Bernardo Mançano. Brasil, quantos anos você tem? São Paulo: Setor de Educação do MST, 2000.

Fernandes, Bernardo Mançano. (Coord.). Plano de desenvolvimento sustentável do Assentamento Nova Conquista – Rancharia – SP. Relatório do Projeto de Extensão. Convênio INCRA/UNESP. Presidente Prudente, 2000.

Fernandes, Bernardo Mançano. O MST no Contexto da Formação Camponesa no Brasil. In: A Questão Agrária e a Justiça. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2000.

Fernandes, Bernardo Mançano. Movimento Social como categoria geográfica. Revista Terra Livre, São Paulo, AGB, n.15, 2000.

Ferreira, Eudson de Castro et alii. A Reconstrução dos Assentamentos Rurais em Mato Grosso. Relatório Projeto Os impactos regionais dos assentamentos rurais: dimensões sociais, políticas, econômicas e ambientais. Convênio FINEP/CPDA/UFRRJ. Cuiabá, 1997.

Ferreira, Eudson de Castro et alii. A Reconstrução dos Assentamentos Rurais em Mato Grosso. In Medeiros, Leonilde Sérvolo e Leite, Sérgio. (Org.) A formação dos Assentamentos Rurais do Brasil: processos sociais e políticas públicas. Porto Alegre / Rio de Janeiro: Editora da Universidade/UFRGS/CPDA, 1999, p.197-232.

Franco, Mariana C. Pantoja. Xagu: de sem-terra a assentado. Rio de Janeiro:Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1992. (Dissertação de Mestrado em Sociologia)

Fundação de Desenvolvimento, Educação e Pesquisa. Coragem de educar: uma proposta de educação popular para o meio rural. Petrópolis: Ed. Vozes, 1994.

Gabinete do Ministro Extraordinário da Política Fundiária. Cédula da Terra. Brasília: s.d.

Gabinete do Ministro Extraordinário da Política Fundiária. A Nova Reforma Agrária. Versão Preliminar. Brasília, 1999.

Galano, Ana Maria. Relatório de trabalho de campo no assentamento Boa Esperança, Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, por alunos da Cadeira de Sociologia I, do curso de graduação em Geografia, da UFRJ. Rio de Janeiro, 1988. (Relatório de Trabalho de Campo).

Gaiger, Luiz Inácio. A práxis coletiva dos sem terra: rumo a unidade ou a heterogeneidade cultural? Cadernos de Sociologia Porto Alegre, PPGS/UFRGS, n.6, p.177-203, 1994.

Gaiger, Luiz Inácio. As condições socioculturais do engajamento no MST. Estudos Sociedade e Agricultura, n.13, p.70-92, outubro de 1999.

Gehlen, Ivaldo. Uma estratégia camponesa de conquista da terra e o Estado: o caso da fazenda Sarandi. Porto Alegre: Programa de Pós-Graduação em Sociologia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1983. (Dissertação de Mestrado em Sociologia)

Giuliani, Gian Mario et al (Coord.). A origem dos assentamentos: um problema ou uma questão. Rio de Janeiro, 1995. (Relatório de Pesquisa) Núcleo de Estudos Rurais Instituto de Filosofia e Ciências Sociais – Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Goettert, Jones Dari. "O vôo das pandorgas": migração sulista para Rondonópolis – MT. Presidente Prudente: Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista, UNESP, 2000. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Gohn, Maria da Glória. Desafios da participação popular no meio rural brasileiro neste final de milênio. Caxambú, 1998. Texto (apresentado na XXII Reunião Anual da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciências Sociais).

Gomes, Iria Zanoni. A recriação da vida como obra de arte: no assentamento, a desconstrução/reconstrução da subjetividade. São Paulo: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1995. (Tese de Doutorado em Sociologia)

Gonçalo, José Evaldo. Organização da sociedade civil como base para uma política social redistributiva. A reforma agrária e o MST no Brasil. Brasília: Instituto de Ciências Humanas, Universidade de Brasília, 2000. (Dissertação de Mestrado em Ciências Humanas)

Governo do Estado do Rio de Janeiro. Levantamento Histórico dos Conflitos de Terra no Estado do Rio de Janeiro (1950-1990). Série Documentos: Estudos e Projetos sobre a estrutura fundiária – conflitos. Rio de Janeiro: Secretaria de Estado de Assuntos Fundiários e Assentamentos Humanos, 1991.

Grade, Marlene. MST: luz e esperança de uma sociedade igualitária e socialista. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 1999. (Dissertação de Mestrado em Economia)

Graziano Neto, Francisco. A Verdade da Terra: crítica à reforma agrária distributivista. São Paulo:Curso de Pós-Graduação da Fundação Getúlio Vargas, 1989. (Tese de Doutorado em Administração)

Grynszpan, Mário (Coord.). Levantamento histórico dos conflitos de terra no Estado do Rio de Janeiro (1950- 1990). Rio de Janeiro: Secretaria de Estado de Assuntos Fundiários e Assentamentos Humanos, 1991.

Holanda, Maria Iolanda Maia. A construção da identidade coletiva dos sem-terrra: um estudo a partir do cotidiano dos alunos do PRONERA. Fortaleza: Faculdade de Educação, Universidade Federal do Ceará, 2000. (Dissertação de Mestrado em Educação)

INCRA/CRUB/UnB. Relatório Final do I Censo da Reforma Agrária do Brasil. Brasília, 1996.

INCRA-PB/Comissão Pastoral da Terra da Arquidiocese da Paraíba/Centro de Documentação Popular – CEDOP/ Universidade Federal da Paraíba. A Vida na Terra Conquistada: Relatório Geral da Pesquisa Qualidade de Vida Nos Assentamentos Paraibanos. Convênio INCRA/PB-CPT/PB-UNITRABALHO/UFPB. João Pessoa, 1997.

Kleba, John Bernhard. A Cooperação Agrícola em Assentamentos de Reforma Agrária no Estado de Santa Catarina (Estudo de caso de um grupo coletivo do assentamento Tracutinga – Dionísio Cerqueira). Florianópolis: Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal de Santa Catarina, 1992. (Dissertação de Mestrado em Sociologia Política)

Lannoy, C. A tecnologia e as associações de cooperação agrícola em assentamentos de reforma agrária. Porto Alegre: Programa de Pós-Graduação em Sociologia Rural, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1990. 269 p. s.n.t.

Lazzarotti Filho, Ari. Nossas Paixões: a terra e a bola – Um estudo da cultura de Movimento em Assentamento do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 1995. (Monografia - Licenciatura em Educação Física)

Lazzarotti Filho, Ari. O processo educativo da luta pela terra: os sem terra na Itália, cem anos depois, "sem terra" no Brasil. Goiânia, 2000. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Goiás.

Lebtag, Reine Luis. Ideais de Propriedade e Realidade Sócio-Política dos Sem-Terra no Exemplo da Fazenda Anoni. Pistas para uma Ação Comunitária. São Leopoldo: Escola Superior de Teologia/Faculdade de Teologia, 1989. (Tese - Exame de Conclusão)

Leite, Sérgio P. A face econômica da reforma agrária: Estado e assentamentos rurais em São Paulo na década de 80. Itaguaí: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Agrícola, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, 1992. (Dissertação de Mestrado em Desenvolvimento Agrícola)

Lerrer, Débora. O som do silêncio nas versões da praça. São Paulo: Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, 1998. (Dissertação de Mestrado em Jornalismo)

Lopes, Eliano Sérgio Azevedo et al (Coord.). Na linha do tempo: um olhar sobre os assentamentos rurais do Estado de Sergipe. Relatório do Projeto de Pesquisa "Impactos Regionais dos assentamentos rurais: dimensões econômicas, políticas e sociais. Convênio FINEP/CPDA/UFRRJ. Aracaju, 1997.

Lucas, Rosa Elane Antória. Escola e sociedade, a questão agrária e a educação. Pelotas: Universidade Católica de Pelotas, 1999. (Dissertação de Mestrado em Desenvolvimento Social)

Macdonald, José Brendan. Os conflitos de terra na Paraíba, 1972-1995. Recife: Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal de Pernambuco, 1995. (Tese de Doutorado em História)

Macedo, Cátia Oliveira. Ilhas de reforma agrária no oceano do latifúndio: a luta pela terra no Assentamento 17 de Abril. São Paulo: Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Estadual de São Paulo, 2000. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Machado, Antonio Maciel Botelho. A produção do saber sobre a floresta pelos assentados na fazenda Ipanema, Iperó – SP. Piracicaba: Escola Superior de Agricultura da Universidade de São Paulo, 1998. (Dissertação de Mestrado em Ciências Florestais)

Maciel, Elda Maria Freire. O Movimento dos Tabalhadores Rurais Sem-Terra no Ceará: um novo movimento social? Fortaleza: Faculdade de Educação da Universidade Federal do Ceará, 2000. (Dissertação de Mestrado em Educação Brasileira)

Macnee, Malcolm K. The landless worker's movement and the struggle for agrarian reform in Brazil. New Orleans: Universidade de Tulane, 1997. Dissertação de Mestrado em Artes)

Maniglia, Elisabete. Proteção penal ao patrimônio imóvel rural (invasões rurais). São Paulo: Faculdade de Direito, Universidade de São Paulo, 1994. (Dissertação de Mestrado em Direito)

Maniglia, Elisabete. O trabalho sob a ótica do direito agrário: uma opção ao desemprego no Brasil. Franca: Faculdade de História, direito e Serviço Social da Universidade Estadual Paulista, UNESP, 2000. (Tese de Doutorado em Direito)

Martin, Jean Yves. Identite et Territorialite dans le Nordeste Bresilien: Les cas du Rio Grande do Norte.Un Essai de Géographie Régionale. Institut de Géographie et d'Aménagement Régional, Universite de Nantes, 1994.

Martin, Jean Yves. Le MST-RN (Mouvement des Sans-terre dans le Rio Grande do Norte) 1990-1996, déploiement géographique d’un mouvement sociospatial rural : nouvelles pratiques territoriales et mutations identitaires. in Indentites et Territorialites dans le Nordeste Bresilien: le cas du Rio Grande do Norte. U. F. R. de Géographie – Sciencies Sociales, Université de Bordeaux III – Michel de Montaigne, 1998.

Marques, Marta Inez Medeiros. De sem-terra a "posseiro, a luta pela terra e a construção do território camponês no espaço da reforma agrária: o caso dos assentados nas fazendas Retiro e Velha – GO. São Paulo: Curso de Pós-Graduação do Departamento de Geografia da Universidade de São Paulo, 2000. (Tese de Doutorado em Geografia)

Medeiros, Rosa Maria Vieira. De la colonisation des terres neuves a la reforme agraire au Bresil: le pacours exemplaire du Rio Grande do Sul. Pointers: Universidade de Poitiers, 1998. (Tese de Doutorado em Geografia)

Melgarejo. Leonardo. Desempenho, eficiência multidimensional e previsão de possibilidade de sucesso em assentamentos de reforma agrária. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2001. (Tese de Doutorado em Engenharia da Produção)

Melo, Paulo Reis. Discurso e recepção: o sujeito político na recepção das mensagens do MST. Recife: Universidade Federal Rural de Pernambuco, 2000. (Dissertação de Mestrado em Administração e Comunicação Rural)

Menezes Neto, Antonio Julio. Além da Terra: a dimensão sociopolítica do projeto educativo do MST. São Paulo: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, 2001. ( Tese de Doutorado em Educação)

Mitidiero Junior, Marco Antonio. O estopim dos movimentos sociais no campo. São Paulo: Departamento de Geografia, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1999. (Monografia - Graduação em Geografia)

Molina, Mônica Castagna. A reforma agrária e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra: a reinvenção do futuro. Campinas: Departamento de Sociologia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade de Campinas, 1998. (Dissertação de Mestrado em Sociologia)

Momesso, Mariana de Abreu. O MST na luta pela terra em Pernambuco e a formação do assentamento Ourives – Palmeira. São Paulo: Departamento de Geografia, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1997. (Monografia - Graduação em Geografia)

Monteiro, Alexandrina. Etnomatemática: as possibilidades pedagógicas num curso de alfabetização para trabalhadores rurais assentados. Campinas: Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas, 1998. (Tese de Doutorado em Educação)

Moreira, Emília. Targino, Ivan. Ieno neto, Genaro. Organização interna dos assentamentos rurais na Paraíba: caminhos e armadilhas das formas associativas. Revista do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária, Presidente Prudente, NERA, Série Estudos, n.3. 2000.

Moreyra, Sérgio Paulo. As novas caras da violência no campo brasileiro. In: Conflitos no campo – Brasil 97. Goiânia: CPT, 1998, p.7-21.

Moura, Jeani Delgado Pashoal. Assentamento Serraria: da luta à conquista da terra. Presidente Prudente: Curso de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Estadual Paulista, 2001. (Dissertação de Mestrado em Desenvolvimento Regional e Planejamento Ambiental)

Navarro, Zander. Assentamentos rurais, formatos organizacionais e desempenho produtivo – o caso do assentamento Nova Ramada. Porto Alegre: mimeo., 1994.

Navarro, Zander. Sete teses equivocadas sobre as lutas sociais no campo, o MST e a reforma agrária. In A Reforma Agrária e a Luta do MST. (Stedile, João Pedro (Org.). A reforma agrária e a luta do MST. Vozes: Petrópolis, 1997.

Navarro, Zander. O projeto-piloto "Cédula da Terra" – comentários sobre as condições sociais e político – institucionais de seu desenvolvimento recente. Porto Alegre: Parecer elaborado a partir de solicitação da representação brasileira do Banco Mundial. 1998.

Navarro, Zander. Moraes, Maria Stela. Menezes, Raul. Pequena História dos assentamentos rurais no Rio Grande do Sul: formação e desenvolvimento. In Medeiros, Leonilde Servolo. Leite, Sérgio. A formação dos assentamentos rurais no Brasil: processos sociais e políticas públicas. Porto Alegre / Rio de Janeiro: Editora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul / CPDA, 1999.

Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária – NERA. DATALUTA – Banco de Dados da Luta pela Terra. (Relatório Preliminar) Presidente Prudente: NERA, 1999.

Norder, Luiz Antonio Cabello. Assentamentos rurais: casa, comida e trabalho. Campinas: Departamento de Sociologia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da universidade de Campinas, 1997. (Dissertação de Mestrado em Sociologia)

Novicki, Victor de Araújo. Recuperando o indivíduo no movimento dos sem-terra: o caso fluminense (1983-1987). Estudos Sociedade e Agricultura, n.5, p.58-72, 1995.

Novicki, Victor de Araújo. Governo Brizola, movimentos de ocupação de terras e assentamentos rurais no Rio de Janeiro (1983-1987). In: MEDEIROS, Leonilde et al. Assentamentos rurais: uma visão multidisciplinar. São Paulo: Editora da Unesp, 1994.

Oliveira, Helena Dória Lucas de. Atividades produtivas do campo, etnomatemática e a educação do Movimento Sem Terra. São Leopoldo: Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, 2000. (Dissertação de Mestrado em Educação)

Oliveira, Neilza Barreto de. Lutando pela terra: abrindo mão de um poder alternativo. Aracaju: Núcleo de Pós-Graduação em Geografia, Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de Sergipe, 1996. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Panini, Carmela. Contexto Juridico-Social da Reforma Agrária. Florianópolis:Pós-Graduação em Direito da Universidade Federal de Santa Catarina, 1988. (Dissertação de Mestrado em Ciências Humanas)

Pasquetti, Luis Antonio. A empresa social no contexto do terceiro setor: um estudo do MST. São Paulo: Programa de estudos Pós-Graduados da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1998. (Dissertação de Mestrado em Administração)

Pavan, Dulcinéia. As Marias Sem-Terras – Trajetória e Experiências de Vida de Mulheres Assentadas em Promissão – SP – 1985/1996. São Paulo: Programa de Estudos Pós – Graduados da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1998. (Dissertação de Mestrado em História Social)

Pavan, Dulcinéia. O caminho feminino para a reforma agrária. Revista do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária Presidente Prudente, NERA, Série Estudos, n.3. 2000.

Pereira, João Márcio Mendes. A reforma agrária no Brasil: anos 80 e 90. Niterói: Departamento de História da Universidade Federal Fluminense, 1999. (Monografia - Graduação em História)

Pereira, João Márcio Mendes. A reforma agrária no Brasil: anos 80 e 90. Rio de Janeiro: Departamento de História da Universidade Federal Fluminense, 2000. (Monografia - versão modificada de conclusão de Graduação em História)

Piana, Marivone. As músicas do MST/SC: mapeamento preliminar. Florianópolis: Departamento de Ciências Socias, Universidade Federal de Santa Catarina, 1999. (Monografia - Bacharelado em Ciências Sociais)

Piana, Marivone: A Música-Movimento: estratégias e significados da produção musical do MST. Florianópolis, 2001. Dissertação (Mestrado em Sociologia). Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, do Centro de Filosofia e Ciências Humanas, da Universidade Federal de Santa Catarina.

Pinto, Geraldo Estevo. Os sem-terra: sua história – seu Deus. Sumaré: Instituto Teológico São Paulo, 1988. (Monografia - Bacharelado em Teologia)

Pires, Ariel José. Assentamentos de sem-terra em Guarapuava: histórico e cotidiano. Assis: Faculdade de Ciências e Letras da Universidade Estadual Paulista, 1996. (Dissertação de Mestrado em História)

Poker, José Geraldo Alberto B. A Prética da vida e os Desencontros da "Libertação". São Paulo: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1994. (Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais)

Poli, Odilon Luiz. Aprendendo a Andar com as próprias pernas: o processo de mobilização dos movimentos sociais do Oeste Catarinense. Campinas: Faculdade de Educação da Universidade de Campinas, 1995. (Dissertação de Mestrado em Educação)

Pucú, Paulo César Rodrigues. Assentamento e justiça social: a reforma agrária no processo de assentamento da comunidade da Fazenda Conceição. Maceió: Universidade Federal de Alagoas, Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Especialização em Economia Regional, 1996. (Monografia - Economia Regional)

Ramalho, Cristiane Barbosa. Quem são os sem-terra? Revista do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária Presidente Prudente, n.1, p.59-71, 1998.

Ramos, Ana Valéria. A luta pela terra e a luta pela reforma agrária: o Projeto de Assentamento Pirituba II – Área III. São Paulo: Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1996. (Trabalho de Graduação Individual - Geografia)

Rapcham, Eliane Sebeika. De identidades e pessoas: um estudo de caso sobre os Sem Terra de Sumaré. São Paulo: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, 1993. (Dissertação de Mestrado em Antropologia)

Reydon, Bastiaan. Escobar, Héctor H. Berto, James Luiz. Os assentamentos rurais e seu impacto nas economias locais: o caso do município de Abelardo Luz – Santa Catarina. Campinas, 1999. basrey@eco.unicamp.br

Reydon, Bastiaan. Plata, Ludwig Agurto. Evolução recente do preço da terra rural no Brasil e os impactos do Programa da Cédula da Terra. Dataterra, 1999. www.dataterra.org.br/Documentos/Bastiaan.htm

Ribas, Alexandre Domingues. O Sistema Cooperativista dos Assentados. Revista NERA, Presidente Prudente, Série Estudos, UNESP, n.1, 1998.

Ricci, Rudá. Novos movimentos sociais: uma nova concepção de espaço e gestão pública. Belo Horizonte: http://www.cpp.com.br/, 1999.

Ruckert, Aldomar Arnaldo. A produção capitalista do espaço: construção, destruição e reconstrução do território do planalto Rio-grandense. Rio Claro: Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, 1992. (Dissertação de Mestrado em Geografia)

Ruscheinsky, Aloísio. Terra e política: o Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra no oeste de Santa Catarina. São Paulo: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1989. (Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais)

Santos, Gilberto Vieira. A territorialização do MST – Movimento dos trabalhadores rurais sem-terra, no município de Presidente Bernardes – SP. Presidente Prudente: Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista, UNESP, . (Monografia (Bacharelado em Geografia)

Schilling, Paulo R. Brasil: A pior distribuição de renda do planeta: os excluídos. São Paulo: CEDI/Koinonia, 1994.

Schmidt, Benício Viero. Marinho, Danilo Nolasco C. Rosa, Sueli L. Couto. (Org.). Os assentamentos de reforma agrária no Brasil. Brasília: Editora da Universidade de Brasília, 1998.

Schmitt, Claudia Job. O tempo do acampamento: a construção da identidade social e política do "colono sem-terra". Porto Alegre: Programa de Pós-Graduação em Sociologia, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1992. (Dissertação de Mestrado em Sociologia Rural)

Schwade, Elisete. A luta não faz parte da vida...é a vida: o projeto político religioso de um assentamento no Oeste Catarinense. Florianópolis: Curso de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina, 1993. (Dissertação de Mestrado em Antropologia Social)

Schwendler, Sônia Fátima. Da utopia do acampamento à recriação social do assentamento. Santa Maria-RS, 1995. Dissertação (Mestrado) - Curso de Pós - Graduação em Extensão Rural, Universidade Federal de Santa Maria.

Scwengber, Angela Maria. Resistência e utopia: resgatando e transformando culturas. São Paulo: Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina, Universidade de São Paulo, 2001. (Dissertação de Mestrado em Integração da América Latina)

Silva, Paulo Roberto Palhano. Novo momento da luta pela terra: quando o patrão sai de cena. Natal: Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 1995. (Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais)

Silva, Rosemiro Magno da. Assentamentos de pequenos produtores rurais de Sergipe: 1945–1992. Aracaju: Secretaria de Estado da Agricultura, do Abastecimento e da Irrigação, 1996.

Silva, Tânia da. A organização do trabalho coletivo e as transformações territoriais no Assentamento São Manoel, em Anastácio – MS. Três Lagoas: Curso de Geografia do Departamento de Ciências Humanas da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, 2000. (Monografia - Bacharelado em Geografia).

Simonetti, Mirian Claudia Lourenção. A longa caminhada: a (re) construção do território camponês em Promissão. São Paulo: Departamento de Geografia, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 1999. (Tese de Doutorado em Geografia)

Sottili, Rogério. MST: A Nação além da cerca. A fotografia na construção da imagem e da expressão política e social dos sem-terra. São Paulo: Pontifícia Universidade de São Paulo, 1999. (Dissertação de Mestrado em História).

Souza, Maria Antônia. A formação da identidade coletiva: um estudo das lideranças de assentamentos rurais do Pontal do Paranapanema. Campinas: Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas, 1994. (Dissertação de Mestrado em Educação)

Souza, Maria Antônia. As formas organizacionais de produção em assentamentos rurais do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST. Campinas: Faculdade de Educação da Universidade de Campinas, 1999. (Tese de Doutorado em Educação)

Souza, Regina Sueli de. Ordem e Contra – Ordem: O processo político constitutivo do MST na especificidade do assentamento Rio Vermelho. Brasília: Instituto de Ciências Humanas da Universidade de Brasília, 1997. (Dissertação de Mestrado em Serviço Social)

Stedile, João Pedro. O que é cooperação agrícola. S.n: Francisco Westphalen, s.d.

Tarelho, Luis Carlos. Da consciência dos direitos à identidade social: os sem terra de Sumaré. São Paulo: Programa de Pós-Graduação de Psicologia Social, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1988. (Dissertação de Mestrado em Psicologia Social)

Tarelho, Luis Carlos . O Movimento Sem Terra de Sumaré: espaço de conscientização e de luta pela posse da terra. Terra Livre São Paulo, AGB-Marco Zero, n.6, 1989.

Toledo, Roberto Pompeu. O presidente segundo o sociólogo: entrevista de Fernando Henrique Cardoso a Roberto Pompeu de Toledo. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

Tomazi, Nelson Dacio. Certeza de lucro e direito de propriedade: o mito da Companhia de Terras Norte do Paraná. Assis: Departamento de História do Instituto de Letras, História e Psicologia de Assis, Universidade Estadual Paulista, 1989. (Dissertação de Mestrado em História)

Universidade Estadual Paulista – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra. Pesquisa Nacional por Amostra da Situação Educacional em Assentamentos e Acampamentos de Reforma Agrária – Relatório Final. São Paulo: Unesp – MST, 1995.

Vendramini, Célia Regina. Consciência de classe e experiências sócio-educativas do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra. São Carlos: Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de São Carlos, 1997. (Tese de Doutorado em Educação)

Vendramini, Célia Regina. Ocupar, resistir e produzir – MST: uma proposta pedagógica. São Carlos: Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de São Carlos, 1992. (Dissertação de Mestrado em Educação)

Wolford, Wendy Wei-Chen. This land is ours now: social mobilization and the struggle for agrarian reform in Brazil. Berkeley: Graduate Division of the University of Califórina at Berkeley, 2001. (Tese de Doutorado em Geografia)

Date:

November 2002

Resource ID:

THESESDI373

		to Queen Mary University Of London welcome page

Landless Voices hosted by the
School of Languages, Linguistics and Film
Queen Mary University Of London, UK

Project Director & Academic Editor: Else R P Vieira
Web Site Producer: John Walsh
Web Site created: January 2003
Last updated: July 5th 2016

www.landless-voices.org